You are currently viewing COMO COMEÇAR A INVESTIR EM RENDA FIXA?

COMO COMEÇAR A INVESTIR EM RENDA FIXA?

Começar a investir na Renda fixa é a melhor maneira de começar nos investimentos.

Antes de mais nada, RECOMENDO COMEÇAR A INVESTIR SOMENTE DEPOIS DE ELIMINAR TODAS AS DÍVIDAS.

Portanto, ficamos ansiosos para já sair fazendo investimentos, mas vá com calma. Primeiro entenda um pouco como funcionam as coisas.

RENDA FIXA E A TAXA SELIC

A princípio, a Selic é conhecida como a taxa mãe da economia, o Banco Central a estipula de acordo com as condições econômicas atuais.

Todavia, existem outros detalhes que servem para estudos mais profundos. Precisamos apenas entender como ela funciona e como interfere nas nossas vidas.

Além disso, é comum vermos na TV e nos jornais que o governo subiu ou diminuiu a taxa Selic.

Ou seja, essa taxa serve para controlar a inflação, para medir o custo do dinheiro.

De acordo com a Selic os juros no país vão oscilar.

Logo, quando você vai financiar um imóvel ou carro você paga ao banco os juros, os juros vão seguir a taxa selic.

Em outras palavras, quando a SELIC estiver alta seus empréstimos vão ser mais caros, quando for mais baixa serão mais baratos. POR ISSO A DICA SOBRE COMO DIMINUIR SUAS DÍVIDAS.

Dessa forma, você pode consultar a taxa de juros nos últimos anos nesse link do banco central.

https://www.bcb.gov.br/controleinflacao/historicotaxasjuros

SIMPLIFICANDO:

Taxa selic ALTA é RUIM para quem consome o crédito e BOA para quem FORNECE o dinheiro.

Taxa selic BAIXA é BOA para quem consome o crédito e RUIM para quem FORNECE o dinheiro.

INVESTIMENTO EM RENDA FIXA

Acima de tudo, um investimento é classificado como renda fixa quando seus rendimentos são previsíveis.

Portanto, se você investe R$100,00 na poupança consegue saber quanto irá receber no próximo mês.

O investimento na poupança é o mais familiar ao brasileiro, porém a maioria nem sabe as regras e seu funcionamento básico.

Dessa forma, separei esse excelente artigo do nosso parceiro O Novato na Bolsa, onde explica bem detalhado o investimento na poupança, leia aqui.

Logo, investir em renda fixa é mais seguro, mais previsível, porém oferece rentabilidade menor.

Atualmente, esses são os investimentos mais comuns da renda fixa:

  • Poupança 
  • CDB
  • Tesouro Direto
  • LCI e LCA
  • Letra de Câmbio
  • CRI/CRA

Agora, não se preocupe em entender cada um, aos poucos você vai se familiarizando.

Particularmente gosto muito do Tesouro Direto, por ser bem seguro, de fácil entendimento e rendimento maior que poupança.

O QUE É TESOURO DIRETO?

Primordialmente, é um título público de renda fixa, nada mais do que você emprestar seu dinheiro para o governo.

Enfim, o governo precisa de dinheiro para custear suas operações, construir rodovias, hospitais, pagar fornecedores, funcionários.

Sobretudo, ao emprestar seu dinheiro, você receberá juros.

Portanto, uma grande vantagem desse investimento é a segurança, pois é mais fácil um banco falir do que um país inteiro.

De antemão, dentro do tesouro direto existe títulos diferentes, cada um tem seus detalhes e mudam de acordo com o tempo. Atualmente são esses:

CONHECENDO O TESOURO SELIC

Antes de mais nada, vamos entender mais sobre o TESOURO DIRETO SELIC, é o investimento DIRETAMENTE LIGADO A TAXA SELIC.

Para exemplificar, a famosa poupança também rende de acordo com a mesma Selic, porém poupança possui essa regra: rendimento de 70% da taxa Selic enquanto ela estiver abaixo de 8,5% ao ano. … Quando a Selic estiver acima de 8,5% ao ano, a poupança vai render 0,5% ao mês + TR.

Logo, a poupança nunca vai te render mais do que 0,5% ao mês, ou seja, o tesouro Selic rende mais que a poupança.

Contudo, o Tesouro Selic possui data de vencimento em 01/03/2025, automaticamente nessa data seu titulo é vendido e você recebe todo valor investido mais os juros.

Ainda assim, é importante explicar que você pode resgatar seu dinheiro quando quiser, o dinheiro NÃO FICA “PRESO”, não possui carência de resgate.

Essa aplicação é muito usada para as reservas de emergência, pois são seguras e rendem mais que a poupança. Sugiro você adotar a mesma prática.

Em conclusão, estude mais e conheça os detalhes de cada investimento.

Além disso, fique atento a Tabela do Imposto de Renda:

Até 180 dias – 22,5%

De 181 a 360 dias – 20%

De 361 a 720 dias – 17,5%

Acima de 720 dias – 15%

Acesse o curso GRATUITO sobre investimento no tesouro selic

Lucas Magalhães

Engenheiro Ambiental por formação; Bancário por profissão; Investidor por paixão!

Este post tem 8 comentários

Deixe um comentário